História

INSTITUTO MARISTA

Fundado em 1817 por Marcelino Champagnat no vilarejo de La Valla, na França, o Instituto dos Irmãos Maristas se dedica à educação de crianças e jovens com a missão declarada de “formar bons cristãos e virtuosos cidadãos.”.
 
Os primeiros discípulos receberam diretamente de Champagnat a orientação humana, intelectual, pedagógica, gerencial e espiritual que caracteriza o modo marista de ser e atuar. Hábeis educadores, espalharam-se rapidamente pela França estendendo o conhecimento e o direito à educação a dezenas de crianças e jovens nos lugarejos mais empobrecidos. Desde então, sua missão prossegue em diferentes partes do mundo.
 
Os Irmãos Maristas são religiosos consagrados, em vida comunitária, de confissão católica. Dedicam suas vidas a Deus, esforçam-se por tornar Jesus Cristo conhecido e amado e vivem uma espiritualidade baseada nas virtudes de Maria – daí o nome “Marista”. Na prática, empreendem ações educacionais e solidárias de cunho social emancipatório, sobretudo voltadas às crianças e jovens, com especial atenção aos mais empobrecidos.

Mais de 50 anos de história

A história do Colégio Marista São Francisco inicia em 1958, com o convite do então prefeito municipal, Plínio Arlindo De Nês, ao superior provincial dos Irmãos Maristas, Irmão Januário, da Província de Santa Catarina, no intuito de trazer a Congregação dos Irmãos Maristas para Chapecó. Após aceitar o convite, o Instituto Marista iniciou as obras de construção juntamente com a Prefeitura Municipal de Chapecó.

Em março de 1959, iniciou as atividades escolares no prédio denominado “Ginásio Marista São Francisco” que posteriormente passaria a se chamar “Colégio Marista São Francisco” recebendo o apoio do prefeito municipal e também do bispo diocesano Dom José Thurler, da Diocese de Chapecó. Desta forma, o Ginásio Marista São Francisco, iniciou suas atividades para crianças do sexo masculino.

Ao longo dos seus 55 anos o Colégio Marista São Francisco demonstrou crescimento e aperfeiçoamento no processo de ensino-aprendizagem em um espaço de convivência com propósitos educativos que favorecem a formação integral.